O que é SPAM? E Dicas Infalíveis para se Livrar Disso

Desde que a internet se popularizou nas últimas décadas, além de golpes e fraudes, muitas outras práticas indesejadas de Marketing surgiram.

Uma dessas práticas que ninguém gosta é o famoso SPAM.

Com certeza você já vivenciou alguma prática de SPAM no seu celular com uma ligação telefônica e principalmente em redes sociais como o Facebook, YouTube ou Instagram.

Mas o que de fato se caracteriza como SPAM?

Como o termo SPAM surgiu?

E como se livrar do SPAM enquanto você navega na internet ou usa seu celular?

Continue lendo esse artigo e suas dúvidas serão respondidas.

Aula Gratuita: Como Ganhar de R$3 mil a R$15 mil/mês Online

Descubra uma maneira simples e comprovada para ganhar dinheiro usando a internet.

Clique no botão abaixo e lhe enviaremos o acesso para esse ebook gratuito.

O que realmente é SPAM e o que significa?

O SPAM nada mais é do que uma estratégia de Marketing enganosa e negativa onde são enviadas inúmeras mensagens para uma pessoa ou grupo de individuos sem a sua solicitação ou permissão.

Sabe aqueles “infinitos” emails com promessas milagrosas de ficar rico fácil e rápido, emagrecimento rápido e sem esforço, entre ou outros produtos para soluções mais indiscretas e por aí vai?

Esse é o tipo mais comum de SPAM.

Outra característica mais comum é o envio em massa de mensagens não solicitadas, ou seja, milhares ou centenas de milhares de pessoas recebem o mesmo tipo de mensagem em simultâneo, na maioria das vezes sendo um conteúdo totalmente inútil, sem valor, apenas querendo vender um produto que em 90% dos casos não cumpre o que promete.

Mas talvez a pior característica de todas é a intenção do SPAMMER (é quem aplica SPAM) em aplicar os mais diversos tipos de golpes e fraudes.

Um exemplo bem comum disso é quando o estelionatário usa táticas de SPAM para enviar boletos falsos para ganhar dinheiro com essa prática enganosa.

Para isso acontecer é necessária uma grande quantidade de pessoas recebendo e abrindo esses emails ou mensagens eletrônicas. Se uma campanha de SPAM atingir 10 mil pessoas, porém se apenas 0.5% dessas pessoas caírem no golpe, já pode ser muito vantajoso e lucrativo para o golpista.

Como o termo SPAM surgiu?

O termo SPAM é uma abreviação de “Sending and Posting Advertisement in Mass”, que pode ser traduzido como “Enviar e Postar Publicidade em Massa”. Porém existe outro possível significado derivado da abreviação “Stupid Pointless Annoying Messages”, que no nosso idioma significa “Mensagem Ridícula, Sem sentido e Irritante”.

Seja lá qual foi a verdadeira origem do termo SPAM, a única certeza é que essa é uma prática nociva e muito irritante para todos os usuários da internet ou de qualquer outro meio de comunicação.

Porque o SPAM acontece?

Basicamente o SPAM acontece por um único grande motivo.

Uma campanha honesta e digna de Marketing é cara e demorada para desenvolver e gerar resultados sólidos. Desse modo golpistas e pessoas desonestas se usam dessa prática de Marketing de baixo nível para tentar vender, ou na maioria das vezes aplicarem seus golpes de modo a ganhar dinheiro fácil e rápido de pessoas desatentas ou ingênuas.

Pode-se dizer que o SPAM nada mais é do que uma prática de Marketing de baixo nível, irritante e quase sempre desonesta.

Quais os maiores perigos do SPAM?

De modo resumido eu poderia dizer que práticas de SPAM trazem dois malefícios para os utilizadores de internet ou qualquer outro meio digital:

  1. Irritação e tempo perdido com mensagens inúteis: nesses casos onde você facilmente percebe tratar-se de SPAM, tempo perdido e irritação com mensagens irritantes é tudo que acontece.
  2. Você pode cair em golpes e fraudes: sem dúvidas é o pior tipo de SPAM, onde se usa dessa técnica para roubar dados sensíveis ou outros golpes financeiros como os famosos boletos falsos.

A notícia boa é que atualmente é muito fácil perceber mensagens de SPAM.

Você recebeu um conteúdo sem valor, totalmente promocional e que você não solicitou?

Com certeza isso é SPAM.

Principais canais para a prática de SPAM

Embora as práticas de SPAM utilizem-se de métodos muito semelhantes, há diversas plataformas para praticar SPAM.

  • Email marketing com inúmeras mensagens de dinheiro fácil e rápido, premiação falsa de loteria, entre muitos outros.
  • Mensagens de SMS no seu celular.
  • SPAM em aplicativos de mensagens como o WhatsApp ou Facebook Messenger.
  • SPAM em redes sociais com links apontando diretamente para produtos e serviços de baixo valor ou com promessas milagrosas.
  • Comentários em blogs ou sites com links contendo SPAM.

Basicamente qualquer plataforma de comunicação que seja acessível é utilizada para SPAMMERS fazerem a “festa”.

Dicas para se livrar do SPAM na sua vida

Se livrar do SPAM ou para pelo menos ficar o mais longe possível é uma tarefa fácil e simples, porém exige apenas um pouco de atenção e cuidado com seus dados pessoais:

  • Jamais divulgue seu número de telefone na internet ou em redes sociais.
  • Tome cuidado ao se inscrever utilizando seu email em sites suspeitos.
  • Não faça o download de programas ou arquivos de fontes duvidosas (pode haver software malicioso que irá roubar seus dados).
  • Em hipótese alguma acesse o link ou site anunciado no SPAM.
  • No caso de mensagens de SMS no seu celular é possível facilmente bloquear o número do remetente.

Ficar longe de SPAM se resume em não divulgar seus dados para os SPAMMERS, além dos cuidados acima.

Como manter sua estratégia de Marketing longe de ser considerada como SPAM

Você sabia que mesmo suas campanhas honestas de Marketing Digital podem ser consideradas SPAM pelos algoritmos do Google entre outras redes sociais?

Quem trabalha com Marketing de Conteúdo, deve tomar algumas precauções, principalmente quando for usar sua lista de e-mails para realizar suas campanhas.

O algoritmo do Gmail e de outros provedores de e-mail como o Yahoo, podem fazer com que seu nome ou lista de e-mails entre para uma lista negra se você não seguir algumas recomendações como essas citadas abaixo:

#Jamais compre uma lista de e-mail

Como seria fácil você comprar uma lista de e-mails por um custo extremamente baixo e ainda por cima conseguir um lucro estratosférico, não concorda?

Ao comprar uma lista de e-mails, muito provavelmente você estará comprando uma lista com pessoas que simplesmente não conhecem você, sendo que neste caso você também estará enviando e-mails sem sua solicitação.

Mas o pior de tudo é que suas chances de ser marcado com SPAMMER irão aumentar muito.

#Não utilize títulos sensacionalistas

Enviar títulos com promessas milagrosas como por exemplo:

“Emagreça 20 kg em um mês”.

“Como ganhar R$20 mil reais na próxima semana”.

Entre outras mensagens similares irão facilmente irritar seus leitores, pois claramente perceberão tratar-se de uma promessa falsa.

#Evite utilizar certos termos e expressões

Mesmo que você tenha enviado um email legítimo, pode acontecer de sua mensagem ir parar na caixa de SPAM, simplesmente por você utilizar certos termos específicos.

Tente evitar ou diminuir certas expressões como: grátis, desconto, promoção, oferta limitada, ficar rico rápido, crédito extra, entre muitos outros termos com cara de SPAM.

#Não mande mais de um e-mail ou mensagem por dia

Se você usa o email ou mensagens de chatbots no WhatsApp, não é recomendável em hipótese alguma enviar mais de uma mensagem por dia.

O envio de diversas mensagens diárias pode facilmente ser filtrado como SPAM pelos algoritmos dos provedores de e-mail, além de que na maioria dos casos acaba irritando seus utilizadores.

Conclusão

O SPAM é uma praga que existe desde os primórdios da internet, e que infelizmente não vai acabar tão cedo.

Por outro lado, o ponto positivo é que se você seguir as dicas acima pode livrar seu celular e contas em redes sociais como Instagram, Facebook ou WhatsApp de qualquer tipo de SPAM.